terça-feira, 7 de junho de 2016

A Informação e a Imprensa de Noticias Patrocinadas #RT

Como vemos o Mundo?
Naturalmente o que podemos perceber diretamente à nossa volta é uma fração muito pequena da nossa visão de mundo. É o mundo da criança bem pequena.
Ao longo do tempo, com o acesso à informação e pela "intersubjetividade" com os outros individuos e a Sociedade, vamos ampliando nossa visão do meio, da sociedade e acessando tambem ao autoconhecimento. Aprendemos como funcionamos, como reagimos às diversas situações da Vida.
Esse acumulo ao longo do tempo e da História é a nossa Cultura.
Mas, para que possamos considerar uma pessoa madura é preciso que reconheçamos nela a capacidade de discernimento da "Veracidade" ou "Falsidade" das informações que lhe chegam pela "Intersubjetividade" com a Sociedade informante , a Sociedade que a educa e transfere Cultura.
Por exemplo, eu confio que Moscou existe, ainda que nunca tenha viajado a Moscou.
Mas pela intersubjetividade e a confiança que deposito nas fontes de informação que recebi sobre Moscou, me permitem formar em minha Visão de Mundo, uma ideia sobre aquela Cidade.

Cartões Postais de quem lá foi e nos enviou , com belas fotos dos locais mais interessantes da Cidade.
Os livros de Geografia e de História, me informam que lá se encontra a Capital de um Pais, uma Cidade que é  Centro Administrativo de todo o País, com toda a complexidade que isto implica, etc... e por aí, em função da "intersubjetividade" entre eu, aprendiz, e a fonte das informações que me ensinam , e eu confio, minha Ideia, minha Imagem sobre Moscou foi formada e se aperfeiçoa na medida em que mais informações recebo sobre aquela Cidade.
Mas, para a minha maturidade, pelo uso da Inteligência, pude discernir o que eram informações "razoáveis", pelas relações que minha inteligência é capaz de fazer com as Cidade que diretamente conheço e formam um "Fundo Conhecido" , podendo agregar ou rejeitar informação à minha Visão do mundo e completar o que conheço com as informações de terceiros que me transferiram pela intersubjetividade confiável que me trouxe informações razoáveis para formarem minha Ideia do Mundo.
Isso é um processo de "Formação" da minha visão do Mundo, da minha consciência do meio em que me desenvolvo como aprendiz.
Aqui é que começam os problemas, do Marketing, das Comunicações, das Ideologias e toda a confusão da ação muitas vezes desonesta que visa a cativar consciências.
Por isso o discernimento da Maturidade é tão importante para verificar que "Toda Propaganda Mente", condiciona, previne e prepara o aprendiz , enfatizando o interesse dos patrocinadores daquelas informações.
Então, se exige que tenhamos uma atitude sempre critica  sobre as informações que acessamos, para integra-la ou não em nossa Concepção do Mundo.
Sem aprofundar muito no que é a Epistemologia da Época ,  o conjunto de Conhecimentos considerados Verdadeiros e que se estruturaram como um "Saber" consistente do Ser humano, pretendo desenvolver estas reflexões para servir de base a uma critica do Meio de Comunicação e da Imprensa nos dias de hoje.